Avião sem asa, fogueira sem brasa

Avião sem asa, fogueira sem brasa
Sou eu assim sem você
Futebol sem bola,
Piu-Piu sem Frajola
Sou eu assim sem você

Por que é que tem que ser assim
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero a todo instante
Nem mil alto-falantes
vão poder falar por mim…

( Claudinho – Buchecha )

Envie este verso por email Envie este verso por email

Um comentário para “Avião sem asa, fogueira sem brasa”

  1. carolina1 says:
    eu queira ser um poeta
    mais um poeta nao
    posso ser
    porq um poeta pensa em muitas coisas
    e eu so penso em vc…